fbpx

Como o ERP pode te ajudar a vender mais no Natal?

Como o ERP pode te ajudar a vender mais no Natal?

ERP para vendas de natal

 

Sua loja não foi muito bem nas vendas durante o ano e está pensando em estratégias para vender mais? Já pensou que a gestão empresarial pode influenciar nessa questão?

Muitos empresários possuem excelentes estratégias de negócios, mas as vezes falta melhorar os processos e deixar a gestão mais profissional, pois a falta de um gerenciamento adequado pode acabar afetando os resultados da empresa.

O mercado está cheio de exemplos de empresas que até tinham excelentes estratégias de negócios, mas por algum descuido no modelo de gerenciamento ou falta de investimento em um modelo mais atual, acabaram tendo que fechar as portas. Para evitar esse tipo de desdobramento nos negócios, o sistema ERP é a alternativa ideal.

O sistema ERP possui ferramentas com inúmeros benefícios para melhorar o gerenciamento empresarial e resolver problemas oriundos de qualquer setor da organização. Por esse motivo, no artigo de hoje falaremos sobre como ter um sistema ERP pode te ajudar a melhorar as vendas de Natal, a data mais importante do comércio.

 

O que é um sistema ERP e para que ele serve?

 

ERP é uma sigla em inglês que significa Enterprise Resource Planning ou traduzindo para o português: Planejamento de Recursos Empresariais, que na realidade é um software criado para integrar e automatizar os diversos departamentos de uma empresa, possibilitando a centralização das informações e melhorando a gestão empresarial.

Hoje o sistema ERP é muito usado para otimizar a gestão financeira da organização, mas ele não serve apenas para desempenhar esse papel. O ERP pode melhorar diversos processos, como por exemplo:

 

Produção: permite por meio de indicadores identificar gastos desnecessários e perdas na produção. Além disso, o sistema realiza uma análise completa de todas as atividades e fornece dados em tempo real para que o empreendedor consiga agilizar a tomada de decisão e evitar prejuízo para o desempenho dos negócios.

 

Estoque: garante uma gestão de maior visibilidade, pois o lojista consegue acompanhar entrada, saída e disponibilidade de todos os produtos dentro do estoque e automaticamente providenciar a reposição dos itens de forma simples e eficiente.

 

Logística: o sistema ERP permite integração com as operações logísticas de WMS, transportadoras e/ou correios, entre outros, essas ações garantem mais segurança para a operação de uma forma geral.

 

Fiscal: realiza cálculos de impostos, como ICMS, IPI, PIS, COFINS, ISS, Substituição Tributária, dentre outros de maneira automática e possibilita emissão de nota fiscal eletrônica de serviços das mais diversas cidades do país, facilitando o gerenciamento fiscal de forma descomplicada.

 

Vendas: fornece informações importantes sobre o cadastro de clientes ao time de vendas para que seja possível entender o comportamento de compra de cada um deles e com base nesses dados criar estratégias para aumentar as vendas.

 

Fluxo de caixa:  o sistema permite integração automática com outros setores da empresa e, consequentemente os problemas com recebimento ou pagamento não prejudicará o fluxo de caixa.

 

Conciliações: permite uma ampla visibilidade para o gestor de todos os valores, evitando assim prejuízos por falta de conhecimento estratégico ou até mesmo por descuido no controle financeiro.

 

Ferramentas do sistema ERP para alavancar suas vendas no Natal

Agora que já falamos o que é um sistema ERP, explicamos para que ele serve e mostramos alguns setores que podem ser otimizados com a gestão de um sistema ERP, vamos entender de que forma é possível alavancar as suas vendas usando algumas ferramentas disponíveis no sistema de gestão.

Portanto, se as vendas durante o ano não foram lá essas coisas, preste atenção nas dicas a seguir, pois com toda certeza você conseguirá inovar nas estratégias, melhorar as vendas e fechar o ano no azul.

 

Confira:

 

Controle de estoque: acompanhar os níveis de estoque é imprescindível para evitar ruptura e por meio de um sistema ERP o lojista ganha maior visibilidade. Ele consegue, em alguns cliques, ter informação da quantidade atual de itens no estoque, garantindo que o lojista não perca a venda e consiga atender o cliente com mais agilidade e eficiência. Além disso, é possível integrar com outros estoques e centros de distribuição.

 

Integração logística: integração com sistema WMS, por exemplo, controla os produtos no estoque, garante alta performance nas operações de picking e packing, controla lotes, validade, Fifo, chassi, etc. Aumenta a eficiência operacional e garante um gerenciamento mais dinâmico.

 

Módulo BI: sabe aquela expressão, tempo é dinheiro? É mesmo! Ter um ERP como aliado no gerenciando dos negócios, permite que os lojistas tenham acesso a relatórios, listagens, gráficos, cubos de decisão, kpis, dashboards e mais, fornecendo informações em tempo real, agilizando o atendimento e garantindo maior engajamento dos vendedores.

 

SAC e CRM: o relacionamento ainda é um dos fatores mais importantes para a concretização de uma venda. O sistema ERP possui ferramentas de SAC e CRM que gerencia a comunicação com o cliente, integrando chatbot, URAs, e-mails, SMS e redes sociais tornando as interações com o cliente mais dinâmicas.

 

Multicanalidade: preocupado em como atender o cliente em diversos canais de venda? O ERP consegue integrar todas as operações, como loja física, e-commerce, venda itinerante, revenda, marketplaces, televendas e muito mais em uma única solução integrada, dessa forma dificilmente o lojista perdera uma venda.

 

O sistema ERP pode ser um grande aliado no gerenciamento das vendas, fornecendo excelentes ferramentas para a estruturação dos negócios, mas lembramos que a equipe de vendas é a engrenagem do negócio. Todas as estratégias e tomadas de decisão devem considerar a equipe de vendas, para que os processos possam fluir cada vez mais e melhor.

 

Conclusão

 

O Natal é uma das datas que mais movimenta o mercado, são bilhões de vendas por ano, portanto, é um período ideal para usar o sistema ERP e ter controle total das vendas.

A julgar pela forma como os modelos de gestão e também de consumo estão evoluindo, a empresa precisa se manter atualizada e se para isso, for necessário modelar a gestão, mudar o sistema, treinar funcionários, entre outras ações, então que seja.

Preste atenção nas movimentações do mercado, analise as estratégias que mais podem ajudar na escalabilidade da sua empresa e, se ainda não adotou o sistema ERP ideal para gerenciar os processos da organização, avalie ter o auxílio de um software com tais funcionalidades para otimizar as atividades da empresa.

 

Autor: Joyce Alcântara.

e-Book: COMO CONTRATAR O SISTEMA ERP IDEAL PARA O SEU NEGÓCIO

Os sistemas ERP – Enterprise Resource Planning – são considerados os sistemas ideais para o planejamento, gestão e controle dos negócios. Esse e-book tratará de contar as evoluções dos modelos de gestão e consequente evolução dos sistemas ERP, abordando, especificamente sete tipos diferentes de sistemas ERP, como eles se comportam, o que se pode esperar de cada tipo e as evoluções inerentes a cada um deles.
Esse e-book abordará as questões imprescindíveis para a seleção e adoção de um sistema ERP de acordo com o modelo de negócio mais adequado para cada empresa.

Baixar agora!