fbpx

Entenda como o planejamento de compra pode ser um forte aliado do varejo

planejamento-compras-post

Parece estranho falar de planejamento de compra, principalmente quando vivemos uma retração na economia mundial, causada pela propagação do novo Coronavírus, mas é justamente em um cenário de crise como este, que se faz necessário falar sobre a importância do planejamento, principalmente para empresas.

É durante esses cenários que conseguimos entender se nosso planejamento fez alguma diferença e, se não tínhamos nenhum planejamento, começar a olhar para essa questão com mais cuidado e responsabilidade.

A principal ideia envolvendo o planejamento de compra é que o empreendedor ou gestor consiga suprir as demandas de venda, evitando quebra no estoque e sem precisar comprar a mais do que já estava planejado.

Nesse sentido, essa ação reforça a estratégia de venda da empresa e evita que períodos menos aquecidos do mercado (como agora) afetem de maneira irreparável os negócios.

Esse artigo tem como objetivo mostrar as vantagens do planejamento de compra, para que o varejista esteja bem suportado e possa atingir as metas impostas pela sua companhia.

 

A importância do planejamento de compras

Vender é muito importante para a saúde financeira dos negócios, mas ainda mais importante do que as vendas, é o planejamento de compras, isso porque o simples ato de planejar o que será comprado, permite ao varejista evitar situações constrangedoras com os consumidores, como por exemplo, não ter o produto em estoque ou até mesmo ter produto em demasia, sobrecarregando o estoque e paralisando o fluxo de caixa.

Outro fator que torna o planejamento de compra importante é que ele permite manter maior aproximação com o cliente e entender o que de fato ele deseja, pois a equipe de compras pode alinhar com o time comercial qual o produto que o cliente mais procura, e assim fazer uso dessa informação para gastar de forma inteligente.

 

Porque planejar suas compras

Falamos da importância do planejamento de compras, mas quais os reais motivos pelos quais fazer esse tipo de planejamento? Listamos abaixo alguns pontos bastante interessantes, confira:

  • Para criar um processo mais detalhado

Ao planejar suas compras, você cria um processo mais efetivo, pois acompanhar no detalhe cada etapa permite uma visibilidade maior de cada situação, garantindo tomada de decisões mais assertivas.

 

  • Para identificar mais facilmente gargalos

Quando você cria um processo consistente, qualquer problema que interfira no fluxo de trabalho é facilmente identificado, permitindo maior eficiência no dia a dia da empresa.

 

  • Para diminuir custos

Ao longo da frequência das suas compras você vai ter uma expertise maior para entender o produto que tem a maior margem, o item que mais vende, os gostos mais populares do seu público-alvo. Dessa forma você consegue comprar o que de fato irá vender e diminuir custos com volume desnecessários.

 

  • Para entender se seu preço é competitivo

Você consegue obter indicadores que vão te ajudar a definir preços mais estratégicos para cada item do seu estoque, podendo identificar momentos mais apropriados para lançar uma promoção ou liquidação.

 

Passos para um planejamento de compras assertivo

Agora que você já sabe a importância de criar um planejamento de compras, aqui estão algumas dicas para não errar nesse processo: 

  • Conheça as tendências do seu nicho de mercado
  • Defina uma frequência para suas compras
  • Conheça o histórico e o preço médio de cada peça em estoque
  • Faça uma previsão de vendas
  • Alinhe suas expectativas com os fornecedores
  • Faça uma análise de peso das marcas
  • Otimize o estoque
  • Considere o ciclo de venda do produto
  • Se esforce na comercialização dos produtos

 

 

Como um sistema de gerenciamento (ERP) pode ajudar

Um sistema de gerenciamento empresarial conta com ferramentas capazes de auxiliar o empreendedor e melhorar muito o gerenciamento financeiro da empresa, falando especificamente de compras, uma ferramenta muito interessante chama-se “Open to Buy (OTB), que ajuda a manter níveis de estoque adequado, para suprir a todas as demandas, garantir orçamentos mais consistentes e, consequentemente, aumentar a rentabilidade dos negócios do varejo.

Em sistemas evoluídos, pensados para suportar a transformação digital, alguns módulos contam com ferramentas que vão desde um gerenciamento simples, até os mais complexos e específicos, que auxiliam por meio de indicadores Giro e Cobertura de estoque, por exemplo, permitindo que o gestor coloque os dias de cobertura que precisa até uma nova compra e identifique com apenas alguns cliques se o que tem em estoque suportará esses dias.

Outra questão interessante envolvendo esses sistemas, é que dependendo do fornecedor é possível baixar versões gratuitas de testes para entender na prática como é o comportamento de algumas ferramentas e como ele impacta positivamente na rentabilidade do e-commerce e também da loja física.

 

Conclusão

Agora que você já conheceu a importância de contar com um planejamento de compras como suporte para realizar as metas propostas no seu negócio, entendeu a forma correta de realizá-lo e sabe que existem sistemas de gerenciamento que podem facilitar ainda mais a sua tomada de decisão, é hora então de começar a botar esse planejamento em prática para manter a perenidade dos negócios. Se precisar de uma mãozinha, nossos especialistas podem te ajudar!

Deixar uma resposta

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>