fbpx

Conheça o poder das revisões no e-commerce

revisoes-ecommerce post

O e-commerce é um canal fundamental, e seu planejamento de vendas deve ser bem elaborado. Não basta disponibilizar um site onde seja possível realizar as compras, é necessário gerir a loja online com contínua atenção aos detalhes.

Isso vai da estratégia de implementação e de lançamento até a realização de revisões frequentes no e-commerce. Isso porque descrições e imagens necessitam de cuidado e atualização constante para assegurar a confiança do consumidor e alcançar os resultados esperados.

Neste artigo, mostramos como fazer revisões no e-commerce para fortalecer a imagem da empresa e obter crescimento nas vendas. Aproveite nossa checklist no seu negócio!

A importância do cadastro na venda no e-commerce

O abandono de carrinho está diretamente relacionado a uma má experiência online por falta de informação. Para o cliente comprar pela internet, ele precisa se sentir seguro com as descrições fornecidas sobre um produto. Isso indica que a maior falha está no momento do cadastro dos itens.

A importância de um cadastramento bem-feito, para que o usuário opte por fazer o checkout e adquirir o que foi selecionado, está clara. Porém, ainda há muitas empresas que tratam essa tarefa como secundária e não atentam devidamente aos detalhes que fazem tanta diferença na performance.

Os elementos a analisar ao fazer revisões no e-commerce

Se a loja online já existe e não está obtendo os resultados esperados ou se há um planejamento para expandir para esse canal, é imprescindível realizar as revisões no e-commerce. Com a análise dos pontos certos, essa tarefa levará ao sucesso.

O título é adequado e chamativo?

O título é fundamental para que o SEO do e-commerce funcione. E por ser a primeira coisa que o usuário vê ao buscar pelo produto, é uma síntese da descrição que deve priorizar palavras diretamente relacionadas aos interesses do consumidor.

O ideal é que tenha de 20 a 100 caracteres e que seja otimizado com informações básicas como: modelo, marca, tamanho, cor ou quantidade. Isso auxilia a aumentar o número de visitantes e equilibrar as taxas de rejeição da loja virtual.

A imagem condiz com a realidade e gera segurança para a compra?

As imagens no e-commerce visam substituir a falta da presença física da mercadoria. Portanto, elas devem transmitir o máximo de coerência com o item que será entregue, estando atualizadas em termos de cor, tamanho, proporção, caimento, entre outras características que possam ser demonstradas visualmente.

No caso de roupas, oferecer uma diversidade de ângulos, em perspectiva com outros objetos, e até mostrar modelos de tamanhos diferentes, são ações que ajudam a fomentar a confiabilidade que o cliente precisa sentir para tomar a decisão de comprar.

Além de aumentar a taxa de conversão, melhores e mais variadas imagens de um produto evitam trocas e devoluções. Elas também beneficiam a credibilidade do estabelecimento, que passará a ser priorizado por oferecer uma experiência mais satisfatória.

Como está a descrição do produto?

Pode até parecer óbvio, mas a descrição deve ser completa, contendo marca, cor, proporções, composição e quaisquer outras informações técnicas ou atributos dos itens. Falhas nesse quesito são consideradas sérios problemas na experiência dos usuários e afetam diretamente as vendas. Nesse caso, o cliente pode optar por não comprar ou corre o risco de precisar devolver a mercadoria.

Outro ponto a se considerar para a atualização constante do cadastro do produto são modificações nas embalagens ou na composição, feitas por fabricantes. Nesse sentido, descrições são fundamentais na hora da tomada de decisão, já que o consumidor não quer receber algo diferente do que comprou.

A descrição está sem erros de português?

Não apresentar erros de português, em qualquer lugar do site, é uma regra que não pode ser quebrada. Eles passam a imagem de desleixo, pouca consideração com o comprador e falta de profissionalismo. Tudo isso diminui a segurança em realizar uma transação no site.

Os preços estão atualizados?

Promoções de fim de estoque, eventos especiais, datas comemorativas e negociações favoráveis afetam os preços. Também incidem no valor para o cliente final elementos como:

  • custos de transporte e estocagem;
  • preço de obtenção do produto ou insumos;
  • mudanças nos índices de preços internacionais;
  • aumento de impostos;
  • eventos climáticos.

Considerando o dinamismo do mercado e que vários desses fatores não estão sob o controle do varejista, manter os preços atualizados e competitivos requer a realização constante de revisões no e-commerce. Isso até porque os erros nesse quesito impactam a lucratividade da empresa.

Foram feitos testes para saber quais descrições e títulos convertem mais?

Conversão é sempre o objetivo de sites de comércio eletrônico. Tudo pode afetar os resultados: design, imagem escolhida, alinhamento do texto e cores, entre outros. Mesmo que você adote as melhores práticas para aumentar a taxa de conversão, os perfis de consumidores variam.

Diante disso, para assegurar que descrições ou títulos estejam completamente otimizados e resultem em vendas, é preciso fazer testes. Uma ferramenta importante para isso são os testes A/B. Eles consistem em dividir o fluxo entre duas versões da mesma página ao mesmo tempo. Depois são comparados os resultados para confirmar qual é a opção com a melhor taxa de conversão.

Podem ser usados para otimizar qualquer item. Porém não é interessante investir nessa prática se o site não tem um grande volume ou se a otimização não representar um grande impacto. Os pontos nos quais o aumento da conversão é mais significativos são:

  • título principal;
  • descrição do produto;
  • chamadas ou botões de conversão;
  • formulários.

O papel da base de dados nas revisões no e-commerce

A base de dados também tem um papel importante no acompanhamento e gestão de resultados. É utilizada para mensurar metas de venda, taxa de conversão, canais mais eficientes, faturamento, entre outros KPIs.

Por meio da coleta correta dos dados e um tratamento adequado, gera-se uma boa base para a análise de dados, que oferece informações valiosas sobre o padrão de comportamento do público-alvo, levando a melhores decisões sobre:

  • mix de produtos ideais;
  • ofertas personalizadas;
  • precificação;
  • otimização das ações de marketing;
  • quantidades mínimas e máximas.

Apesar de aparentemente corriqueiras, as revisões no e-commerce são excelentes meios de melhorar a taxa de conversão do site. Ao observar aspectos como título, imagens, descrições e preços, você consegue adequá-los às expectativas do cliente e aos algoritmos das ferramentas de busca. Assim, as metas de venda serão facilmente alcançadas.

Com o intuito de realizar tais aperfeiçoamentos com qualidade, analisar bases de dados em busca de conhecer mais a fundo o seu público-alvo e mercado potencial fará toda a diferença, colocando o negócio à frente da concorrência.

Para ajudar você ainda mais, a E-millennium pode oferecer o sistema informatizado ideal para seu negócio!

Baixe aqui

Infográfico – O empoderamento do consumidor e como as tecnologias podem ajudar

Deixar uma resposta

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>